quinta-feira, 12 de maio de 2011

ponta perfeita!



Ontem, descobri (e senti) uma coisa nova no trabalho de pontas. E adoro quando isso acontece, porque sinto que novas portas se abrem e que subi mais um degrau na eterna escada do aprendizado. É um estímulo - algo que venho precisando, visto o último post mal-humorado que escrevi. rs

Vocês já se surpreenderam vendo uma foto, ou assistindo a algum video, no qual a bailarina joga todo o seu peso em cima da ponta, que fica quase fora do chão, bem jogada pra frente, e se perguntaram "COMO ela consegue fazer isso sem virar o pé!?" haha Pois é. Isso é real, e é possível. haha Basta fazer um exercício importante nas aulas de ponta: projetar ao máximo o peito do pé pra frente, colocando todo o peso ali e esticar bem o joelho. Às vezes, chegamos a sentir até um "click" na articulação. Muitas nem sabem que isso existe. Eu não saberia, se minha professora não insistisse em mostrar, pedindo para fazermos plié na 6a posição (pés paralelos), na ponta, deixando o peso cair em cima do peito do pé. Vou ver se tiro uma foto na aula que vem pra vocês visualizarem.

Dá pedo! E para não correr risco de se machucar, é fundamental manter os joelhos sempre esticados, em qualquer exercício! Mas com o tempo, vai ficando mais fácil. Bem, acho que vai. hahaha Tái um exercício para fortalecer e "avantajar" o peito do pé, como muitas sonham, e para deixar a ponta perfeita!

11 comentários:

... disse...

Pois é, nós que vivemos e trabalhamos com arte precisamos exatamente disso pra viver:ESTÍMULO! Sem ele não somo nada, ninguem.
Eu preciso dele nas aulas de dança e no meu trabalho tb!

Adorei seu blog! Acabei de conhecer e vou continuar lendo seus posts! ;)
Pq a dança nos move!!!

bjão

Lara disse...

Ai Carol tire uma foto sim para que eu possa entender, muito legal esta dica, acho tão lindo quando as bailarinas fazem isso, ja havia notado também :D
Bejusss, isso ai sem desanimar!

Amanda disse...

aaawn, amo seu blog . cada dia mais me apaixono pelo ballet
comecei o ballet clássico a 2 semanas e estou na Meia ponta ainda. mais vou me esforçar bastante pra no ano que vem ja poder estar na ponta!
gostaria de saber como foi sua primeira aula de ballet na meia ponta e como se sentiu !
BEIJO s2

Letícia disse...

Que bom que vc conseguiu merece, to esperando a postagem expliativa, passa no meu blog http://eutambmdanoballet.blogspot.com bjs!

@_Ellenmelo disse...

Olá eu amei seu blog conheci ele a uns dois dias e eu faço ballet a 4 anos e estou com 16 anos estou iniciando a sapatilha de ponta mas eu não sei muito bem ficar em pé na 6ª posição séria otimo você tirar uma foto e mostrar pra eu tirar minha duvida parabéns *-*

Tha FF disse...

Tem um exercício que dá pra fazer sem ponta com essa finalidade também.
Basta fazer um grand plié em sexta posição, quando estiver lá embaixo, sentada nos calcanhares, puxe um dos joelhos em direção ao tronco e deixe o colo de pé em contato com o chão, ai é só puxar o joelho contra você, isso alonga o peito do pé e fortalece o tornozelo.;)

Nanda disse...

faço ballet faz 4 anos também, adorei vou ver sempre!!!!parebéns

audrey disse...

Olha, Carol.
http://www.youtube.com/watch?v=QdmuyJ6Rdaw
A Balada da Bailarina torta, da Banda Mais Bonita Da Cidade

Nice disse...

adorei seu blog

Letícia Bonomo disse...

Meu Deus, que perfeição é a dessa mulher? Estou perplexa! hahaha
Ainda estou na meia ponta, engatinhando. Mas logo logo espero estar na ponta :D
Se você conseguir, coloque a foto do exercício da sua aula, assim a gente consegue enter melhor como é feito.
Beijo

Mandy Brasil disse...

Oi ! Adorei o seu blog! É mega útil e eu me indentifiquei bastante com ele (vida de bailarina sempre é igual kkkkk)
Moro em Brasília também e danço no Claude Debussy na 15 Sul, comecei com três aninhos hehe, e agora tenho 17. Fiquei curiosa e preciso perguntar: Onde você faz aulas? Beijinhos e contiue com o blog assim, parabéns! ;)