quinta-feira, 28 de outubro de 2010

desafios

Essa apresentação de final de ano será a mais tumultuada de todos os tempos pra mim.

Pra começar, sou um "passarinho personagem" em A Branca de Neve. Tenho cenas e pequenos passos de coreografias para decorar e inclusive, queridos leitores, eu dançarei com o baby class! rs Sim, serei uma das "adultas-guia" e terei que fazer todos aqueles passinhos fofos no palco... hahah Acho que a única profissão do mundo artístico que nunca senti vontade de seguir foi a de atriz. Acho extremamente complexa e nunca entendi muito bem essa coisa de conseguir ser outra pessoa e incorporar um personagem. Aos poucos, estou perdendo a vergonha de ser um passarinho alegre e cantante. Quero ver na frente de todos, no ensaio geral... Porque, entendam, meu problema não é o público. Quando estou no palco, quando é pra valer, eu consigo ser quem eu tenho que ser. O problema é com as luzes acesas e pessoas experientes me olhando....

Fui convocada também para dançar Yesterday na 2a parte, que será uma dança contemporânea. Adoro desafios no ballet e decidi aceitar esse. Não curto dança contemporânea, mas acho que também nunca me aprofundei/pesquisei o bastante. Se a minha professora me indicou, é porque confia em mim e sabe que posso fazer, né? Vou dançar com meninas e mulheres de diversas modalidades e a coreógrafa não é a minha professora - o que deu um pouco de medo inicialmente. Eu amo o clássico. Não ligo pra jazz, aquelas coisas de ficar se jogando no chão.... rs sou toda dura no pescoço e tenho um pouco de vergonha de mim mesma dançando uma modalidade mais ousada, confesso. No clássico, encontrei segurança, estabilidade. Justamente por isso, decidi me desafiar e aprender mais. Já dancei, no final do ano passado, um jazzinho meio contemporânero. E foi uma ótima experiência. Essa coreografia é ainda mais esquisita... tem aquela coisa de se contorcer, rolar no chão... haha Mas é bom fazer o que nunca se fez antes, estou adorando! Tenho sede de conhecimento... Espero me sair bem.